Médico fatura R$ 299.822,47 usando uma técnica estranha (porém, muito eficiente).

Leia na íntegra e saiba como fazer exatamente o mesmo no seu negócio.

Como tudo começou...

O caso aconteceu com Dr. Ricardo, médico anestesiologista da cidade de Campinas - SP, depois que pesquisava por formas mais eficientes para prospectar alunos para o seu curso presencial.

O treinamento era focado em profissionais da mesma área, também médicos anestesiologistas que gostariam de se capacitar para aprender de forma teórica e prática a técnica de anestesia venosa total e suas variadas formas de monitorização.

A cada nova turma, os desafios eram maiores e as vagas eram mais difíceis de serem preenchidas para o seu treinamento.

Entre os desafios, destacam-se:

1) Curso presencial 

Muitos médicos não podiam ir até Campinas- SP, durante as datas do treinamento, que normalmente aconteciam em duas oportunidades do ano (março e setembro).

2) Custos elevados

Como o treinamento acontecia presencialmente em Campinas-SP e muitos alunos moravam fora do estado, despesas como ingresso, hospedagem, alimentação, passagem área, acabavam triplicando o valor do investimento para os alunos interessados.

Expectativa...

Aos poucos, o Dr. Ricardo foi percebendo que precisava de apoio profissional de uma agência de marketing/mídias sociais para que suas turmas fossem preenchidas com mais eficiência.

Afinal, sempre foi um ótimo profissional, referência máxima em sua área de atuação, mas não dominava nada sobre marketing  e vendas, pois não fazia parte da (sua ossada).

E suas ações offline (marketing boca a boca) já não estavam surtindo tanto efeito como acontecia no início.

Então, talvez se tivesse alguém lhe apoiando nas estratégias digitais de divulgação do treinamento, alguém que fosse especialista na área seria muito mais fácil de fechar novas turmas.

No embalo da ideia o Dr.Ricardo contratou uma agência de marketing/mídias sociais que se propôs a cuidar da gestão das suas redes sociais. 

O combinado era criar posts para o Facebook e Instagram cinco vezes por semana, com conteúdos que agregassem valor aos seus seguidores gerando assim mais engajamento a oferta. 

Os posts mais bonitinhos e que gerassem mais curtidas e reações seriam impulsionados para que pudessem propagar para mais pessoas aumentando as chances de vendas do treinamento.

O objetivo inicial era tentar fechar as turmas sem maiores dificuldades e posteriormente tentar duplicar a quantidade de inscritos de 20 para 40 alunos por turma.

Realidade...

Após alguns meses de ações, muitas curtidas e reações foram conquistadas a partir dos conteúdos que a agência de mídias sociais desenvolveu. 

De fato funcionou muito bem para gerar (curtidas e reações).

A parte chata, é que curtidas e reações não pagam boletos, não geram vendas e não coloca dinheiro no bolso...

E quando você é um empresário que precisa gerar faturamento, pagar funcionários, despesas operacionais e ainda gerar lucro, você não pode se dar ao luxo de ficar na esperança de conquistar resultados.

Concorda?

Após alguns meses o Dr. Ricardo percebeu que a agência de marketing não estava conseguindo gerar aumento de inscritos para seu treinamento e tão pouco gerado interesse pela sua oferta.

Ainda era muito sofrido para fechar o número mínimo de alunos e a meta de duplicar os inscritos estava mais difícil ainda de ser atingida.

Os posts até que eram bonitinhos, tinham fotos interessantes e frases legais, mas não estavam convertendo em resultados práticos (gerando vendas ou interessados).

Alguns meses depois Dr. Ricardo resolveu cancelar o contrato de prestação de serviços que tinha junto a agência de marketing/mídias sociais.

De quebra, ainda teve que pagar uma multa pelo dispositivo de rescisão, pois estava (amarrado) a agência por pelo menos 12 meses.

As agências de marketing não querem que os empresários saibam disso...

Agências de marketing/mídias sociais em sua grande maioria, não curtem muito a ideia de fazer o dever de casa, que seria estudar o negócio do cliente afundo e verificar se a estratégia X ou Y se encaixa realmente com aquele modelo de negócio.

É muito mais fácil vender um pacote de posts pré prontos com impulsionamentos (estratégias enlatadas) para as empresas, do que atuar  criando e implementando soluções de marketing personalizadas.

Claro que isso não acontece de forma generalizada...

Mas 99% das agências de marketing atuam dentro deste formato de oferta, pois é mais fácil vender estratégias enlatadas, uma vez que já existe um processo interno de produção operacional.

E este processo interno pode ser replicado para várias empresas ao mesmo tempo (control C + control V).

Desta maneira não existe a necessidade de investir mais tempo para criar soluções de marketing personalizadas.
Exemplo de imagem
A grande virada...

Depois da grande decepção com a agência de marketing ruim, o Dr. Ricardo chegou até a X500 meio que desacreditado, cabisbaixo, cheio de receios e inseguro.

Mas como queria expandir seu negócio, seu instinto empreendedor permitiu que ele conhecesse melhor os serviços da X500. 

Se você ainda não sabe o que é a X500, trata-se da:

"Única empresa do Brasil especializada em profissionalização de departamentos de marketing, que possui como manifesto profissionalizar 500 (boas empresas) até 2022"

Assim como em uma consulta médica, aonde o médico avalia o paciente, faz exames e procura entender o que o paciente tem antes de diagnosticar sua doença, nós como especialistas fizemos o mesmo com o Dr. Ricardo.

Tivemos uma longa reunião e após alguns questionamentos (exames) ele nos revelou em detalhes algumas informações importantes que poderiam ser usadas para curar a sua doença (falta de vendas).

O pote de ouro estava mais perto do que se imaginava...

O cenário era o seguinte:

O Dr. Ricardo era um grande especialista na área médica, já tinha feito inúmeros eventos e palestras por todo Brasil. 

Nessa jornada ele foi captando informações das pessoas (e-mails e telefones) por onde passava.

Ou seja, mesmo sem conhecer a palavra lead, estava criando ativos empresariais que poderiam ser usados justamente nessa nova ocasião (para promover seus treinamentos).

Pois até então, as suas ações de captação eram por indicação ou no boca a boca para médicos próximos, que atuavam em seu meio profissional.

Grave na memória oque eu vou te falar agora:

No mundo empresarial um dos seus maiores ativos é a sua base de contatos (clientes, e-mails, telefones, pessoas interessadas).

Quando um negócio possui ativos empresariais, basta que apenas alguns ajustes sejam feitos na estratégia de marketing para que a empresa gere um faturamento absurdo em questão de horas ou pouquíssimos dias (garantido!).

E foi exatamente isso que fizemos na X500 com o Dr. Ricardo, nós adicionamos uma técnica (um ingrediente secreto considerado esquisito e até estranho por muitas empresas).

E este ingrediente secreto fez com que suas turmas ficassem lotadas e em pouquíssimas horas e que seu faturamento acelerasse como um caminhão sem freio.

O que acontece nos bastidores (que ninguém revela), mas que você vai descobrir agora...

Antes de te explicar em detalhes como que funciona essa técnica e como você pode usar ela no seu negócio, é importante recapitularmos juntos o cenário que o Dr. Ricardo vivia naquele momento para que você mergulhe nos bastidores deste caso.

Pois podem ter características deste caso que se encaixam com o momento atual que o seu negócio esteja vivendo:

1) Areá:  Medicina.
2) Produto: Curso presencial para outros médicos, com alguns desafios na hora de vender: curso com limite geográfico presencial e custo elevado para alunos interessados.
3) Como atuava: Marketing boca a boca.
4) O que fez para resolver: Contratou uma agência de marketing/mídias sociais para criar posts semanais + impulsionamentos.
5)Aprendizado: As ações feitas pela agência só geravam curtidas e reações, não geravam vendas ou despertava interesse de compra.
6) Decepção e prejuízo: Além de se frustrar com os resultados não gerados teve que pagar uma alta multa para se desvincular do contrato, pois estava amarrado a agência.
7) O que fez após a decepção: Somente após se decepcionar com a agência é que então procurou uma consultoria especializada em soluções personalizadas de marketing.
8) Notícia boa: Possuía uma lista de 12 mil contatos e ainda não tinha quebrado, estava dando seus últimos suspiros.

Este era o exato cenário do Dr. Ricardo vivenciava e após analisarmos estas informações (resultado do exame) percebemos que o que tinha que ser feito (diagnóstico), era o seguinte (cura da doença):

Atração do negócio: O Dr. Ricardo não possuía uma presença online relevante, então uma das primeiras coisas que recomendamos foi fortificar suas redes sociais para que ele não dependesse somente do marketing boca a boca.

Foi criado um perfil no Instagram que atualmente possui mais de 10 mil seguidores médicos e um perfil de Facebook para que ele pudesse adicionar até 5 mil médicos e se relacionar posteriormente.

Conversão do negócio: Um ponto positivo neste caso é que ele já possuía uma lista de contatos para ser trabalhada.

Mesmo assim, aulas gratuitas e e-books foram criados para usar como iscas digitais com foco em (capturar mais e-mails e mais telefones) para usar nas campanhas de vendas que seriam desenvolvidas.

Relacionamento do negócio:  Embora existisse mais de 12 mil contatos, estes contatos estavam frios, pois não existia nenhuma estratégia de relacionamento junto a estes potenciais clientes.

Uma campanha de e-mails com conteúdos foi desenvolvida para aquecer esta audiência antes de fazer qualquer tipo de oferta.

Vendas do negócio: Após identificarmos as fraquezas do seu produto e seus desafios de oferta, desenvolvemos um novo mix de produtos que foi introduzido para atacar (todos os tipos de fomes).

a) Curso presencial focado em quem tinha condições de ir até São Paulo.
b) Curso online focado em quem não tinha condições de ir presencialmente e quem queria diminuir despesas.
c) Curso transmissão ao vivo, para quem quisesse acompanhar o curso ao vivo em tempo real no dia do evento presencial e interagir com o instrutor.

Estes novos formatos de produtos foram um verdadeiro sucesso, mas calma que este ainda não é o ingrediente secreto que foi utilizado.

Vamos falar sobre ele logo mais...

Análise e escala do negócio: Depois que fizemos as primeiras correções na sua estratégia de marketing e que implementamos as novas soluções personalizadas.

O Dr. Ricardo deu um salto de faturamento absurdo partindo de R$ 0.00 (a contar do momento que começou conosco aqui na X500) até R$ 299.822,47 em vendas dos seus produtos.

O ingrediente esquisito...

O que você acabou de ver acima sobre (atração, conversão, relacionamento, vendas e análise) faz parte de um método que aplicamos aqui na X500 durante a consultoria realizada para o Dr. Ricardo em seu negócio chamado estrela das 5 pontas.

É este método que usamos de forma inteligente para identificar dados quantitativos (números) e dados qualitativos (informações com  valor) para criar as estrategias e direcionar um cliente de forma personalizada.

O ingrediente esquisito, porém muito eficiente, que foi usado na campanha do Dr. Ricardo foi uma poderosa e milenar técnica de marketing chamada copywriting. 

Muitas empresas ainda desconhecem sobre os verdadeiros poderes dessa técnica, mas nós aqui na X500 usamos a bastante tempo e disponibilizamos exclusivamente em um treinamento online para todos nossos clientes de consultoria.

Copywriting é uma poderosa técnica de escrita persuasiva que usa gatilhos mentais para aumentar taxas de conversão como por exemplo:

a) Aumento de cliques em links
b) Aumento de cliques em anúncios
c) Aumento de abertura de e-mails
d) Aumento de pessoas engajadas em um vídeo ou texto
e) Aumento de cadastros em uma página
f) Aumento de vendas de um produto ou serviço

Se a sua empresa precisa aumentar os números, essa técnica pode ser aquela grande sacada que você estava esperando, pois quando bem aplicada, realmente gera resultados bem expressivos.

E durante a campanha do Dr. Ricardo essa técnica foi utilizada:

a) Na confecção dos e-mails com conteúdo,
b) Na confecção do vídeo de vendas.
c) Na confecção das iscas digitais.
d) Na confecção dos anúncios.

Todos os materiais e pontos de contato com o potencial cliente tinham esse ingrediente esquisito...

Perceba que este resultado de faturamento não nasceu do nada ou de alguma fórmula mágica, existe uma base de inteligência nos bastidores para que a combinação do (método + técnica) pudessem tornar a campanha bem sucedida.

Tudo que foi revelado neste texto em detalhes, pode ser perfeitamente replicado em um negócio, pois você teve acesso não apenas aos conceitos, mas sim como funcionou (os bastidores) de uma campanha que se tornou um sucesso em vendas.

Ps: A meta era sair de 20 para 40 alunos...

Resultado: Hoje são mais de 1000 alunos e mais de R$ 300.000,00 de faturamento e continua subindo todos os dias 24 horas por dia 7 dias por semana no piloto automático...

Espero que você tenha aprendido bastante com este conteúdo e gostado! Nos vemos em breve.

Um abraço.
Fernando Cartier
E se você quiser fazer como o Dr. Ricardo fez, clique no botão verde e fale com um especialista para analisarmos a sua empresa.
Imagem
TERMOS E CONDIÇÕES

Os produtos e serviços vendidos nesta página não devem ser interpretados como uma promessa ou garantia de resultados. Seu sucesso em alcançar os resultados divulgados com o uso de nossos produtos e informações depende do tempo que você dedica ao programa, técnicas utilizadas, conhecimento e habilidades diferentes. Como esses fatores diferem entre cada indivíduo não somos responsáveis por qualquer uma de suas ações. Todas e quaisquer declarações prospectivas contidas nesta página ou em qualquer um de nossos produtos destinam-se a expressar a nossa opinião sobre resultados que algumas pessoas podem alcançar. Ao comprar qualquer um dos nossos produtos ou contratar qualquer um dos nossos serviços você concorda com os termos e condições da X500.